O LinkedIn Da Sua Organização Não Serve Para Nada?

Os 10 Segredos Derradeiros Sobre isso Como Conquistar Seguidores No Twitter

LinkedIn: você domina mesmo usar essa rede social a favor da sua organização? São Depois de Sucesso Nas Mídias sociais, CBF Lança “Canarinho Pistola” Em Pelúcia - Em tempos de instabilidade econômica, toda nova estratégia pra ser mais eficiente é bem recebida - especialmente se é preciso investir insuficiente para colocá-la em prática. Por este contexto, as baixas barreiras de entrada tornam as redes sociais cada vez mais um canal pra muitas tarefas das pequenas e médias organizações.

Não são poucos os negócios que obtém sucesso a começar por plataformas como Facebook, Instagram e WhatsApp. Apesar de menos popular, o LinkedIn assim como pode ser uma opção nesta empreitada na produtividade - tendo como diferencial o profissionalismo das relações. A rede de 500 milhões de usuários não serve só pra divulgar produtos e serviços, como prontamente se supõe, porém bem como pra fechar vendas e até localizar potenciais funcionários. É o que defende a plataforma, que lançou uma série de guias pra socorrer pequenas e médias empresas a usarem eficientemente o website.

Advertisement
  • Dois Consumer-Generated Media (CGM)
  • 5 - Desenvolvimento de aplicativos e software zoom_out_map
  • trinta de setembro de 2014
  • Andreiakawata (discussão) aluna de pós graduação do Instituto Federal de São Paulo

São 3 assuntos trabalhados: contratar, promover e vender. O LinkedIn da tua organização não serve Empresas Querem A Energia Dos Funcionários Nas Mídias sociais ? Estar no LinkedIn pode ajudar sua corporação a estar na boca do público - o que é fundamental pela hora de fazer algumas contratações. De acordo com pesquisas da rede social, a maioria das pessoas acha novas vagas por intervenção de famosos e imediatamente conhecia a corporação antes de começar a trabalhar nela.

Em primeiro ambiente, crie uma Company Page - uma página de dicas sobre isso seu negócio. “Pequenas empresas são menos restritas a processos formais. Você tem a independência de deixar claro a real personalidade da sua corporação em suas páginas, o que desperta a empatia do público. Aproveite esta autonomia em teu favor”, admite o LinkedIn em teu guia.

Advertisement

O profissional responsável pelas contratações também precisa caprichar no LinkedIn. Faça um perfil que represente os valores e a cultura da corporação e, ao mesmo tempo, que seja envolvente: uma foto de perfil simpática, assunto multimídia e posts engajadoras. Análise: No momento em que Uma Empresa Amparar Criptografia, é Melhor Correr , é hora de conectar-se a amigos, colegas e grupos de interesse, com o objetivo de estender sua rede de relacionamentos - e suas oportunidadess de achar um novo funcionário.

Na hora de contratar, o principal trunfo do LinkedIn é o acesso a candidatos passivos: ou melhor, profissionais que não estão pesquisando um novo emprego ativamente. “Nenhuma outra plataforma apresenta um banco tão rico de talentos passivos”, defende 5 Carreiras Diferentes Que Você Poderá Declarar . Tua empresa poderá usar as Career Pages para evidenciar a potenciais candidatos por que seu negócio é um fantástico recinto pra se trabalhar, estabelecendo uma marca empregadora.

Advertisement

Depois, poste anúncios de vagas de nicho, que atinjam os candidatos certos. O LinkedIn Recruiter é outra ferramenta, que entra em contato com os candidatos de modo mais segmentada ainda, incluindo quem não está ativamente procurando um novo emprego. Assim como é possível adicionar anúncios de “Trabalhe Conosco” diretamente nos perfis do LinkedIn dos seus funcionários, aproveitando o sistema de redes sociais para trazer potenciais candidatos a vagas de emprego. Contudo nenhuma ferramenta adianta sem uma estratégia clara.

Share This Story

Get our newsletter